Home / Espiritualidade / Dia Mundial de Oração pela Santificação dos Sacerdotes

Dia Mundial de Oração pela Santificação dos Sacerdotes

Oração Sacerdotes
No dia do Sagrado Coração de Jesus, celebrado em 23 de junho, ocorre o Dia Mundial de Oração pela Santificação dos Sacerdotes. A Igreja é convidada a rezar pelos sacerdotes e a pedir o dom da sua santificação na condução do povo de Deus.

Ocasião propícia para um tempo de oração e de comunhão entre os sacerdotes, além de uma oportunidade ímpar para redescobrir e reavivar o dom do sacerdócio.

Antes de tudo abre-se a possibilidade de um tempo de oração e reflexão que apresenta ao menos três aspectos:

O primeiro é justamente a centralidade da oração; rezando juntos, de fato, os sacerdotes recordam que o seu ministério não é radicado nas coisas a serem feitas e que, sem a relação pessoal com o Senhor, se corre o risco de mergulhar no trabalho, negligenciando Jesus.

O segundo aspecto, é a redescoberta do valor da diocesanidade, porque não se é padre sozinho, mas como parte da família do presbitério, e este dia convida os sacerdotes a reencontrarem a beleza da fraternidade presbiteral junto ao próprio bispo, renovando o compromisso a superar as divergências que frequentemente impedem aos sacerdotes viver a comunhão e de atuar juntos em âmbito pastoral.

Por fim, por meio de momentos de reflexão e de verificação, o dia quer ajudar os padres a redescobrir a essência de sua identidade e o sentido de seu serviço ao povo de Deus.

A evangelização, hoje como ontem, depende dos evangelizadores. O evangelizador tem de ser um bom crente e para se converter num bom crente tem de ser um bom orante. Não é possível dialogar com um Deus sempre invisível, e hoje menos evidente, todavia, se não se vive da contemplação. A atitude contemplativa é hoje elemento constitutivo da identidade cristã. A novidade da pregação cristã radica na qualidade de vida que leve o evangelizador, da sua experiência nova do Deus vivo.

O ministro do Evangelho que não tenha o Evangelho no seu coração, objeto da sua contemplação e motivo de oração, não o conseguirá manter na sua boca como ação missionária.

Todas as comunidades cristãs são convidadas a rezarem pelos sacerdotes que as acompanham na sua vida cristã. A oração pelos sacerdotes deve levar os cristãos a terem confiança num Deus que é Pai: «a seara é grande e os trabalhadores são poucos» (Mt 9,37); e a viverem unidos em profunda comunhão de vida: «rogai ao Senhor da messe que mande trabalhadores para a sua messe» (Mt 9,38).

A oração comunitária é o lugar por excelência da presença de Jesus. Jesus está presente sempre que a comunidade se reúne num só coração e numa só alma. Quando todos pensam unicamente no Reino de Deus, o Reino vem, torna-se realidade, porque Jesus está ali «onde dois ou três se reúnem em seu nome».

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *